Home » Distúrbios do Sangue » Sintomas de Anemia

Sintomas de Anemia

Os sintomas de anemia são palidez, cansaço, falta de ar, taquicardia, tonturas e vertigens, dores fortes em algumas partes do corpo devido à falta de oxigênio nos tecidos, além de:

  • Conjuntiva (parte branca do olho) e palmas das mãos mais brancas do que de costume;
  • Perda de cabelo;
  • Desânimo;
  • Pressão baixa;
  • Dor de cabeça;
  • Unhas deformadas;
  • Confusão mental;
  • Feridas nos membros inferiores;
  • Crescimento comprometido;
  • Cálculos Biliares (pedras na vesícula biliar);
  • Maior facilidade para contrair infecções;
  • Problemas cardiovasculares, neurológicos, renais e pulmonares;
  • Priapismo (ereção dolorosa do pênis, independente de qualquer excitação sexual, e que dura mais de 2 horas).




Sobre a Anemia

A anemia é uma doença caracterizada pela falta ou malformação da hemoglobina no sangue, a proteína responsável pelo transporte de oxigênio pelo corpo através das hemácias (células vermelhas).

A anemia dificulta a troca de oxigênio e gás carbônico entre os tecidos, já que as células responsáveis por isso estão comprometidas.

O que Causa a Anemia?

  • Fatores genéticos hereditários, como no caso da talassemia e da anemia falciforme;
  • Alimentação pobre em ferro (anemia ferropriva);
  • Carência de vitamina B12;
  • Carência de ácido fólico;
  • Gravidez.

Tipos de Anemia

Anemia Ferropriva

A anemia ferropriva é o tipo de anemia mais comum, causada pela falta de ferro no organismo.

Quando as hemácias não possuem ferro o suficiente, elas ficam incapacitadas de transportar oxigênio para todos os tecidos do corpo.

Esse tipo de anemia diminui a quantidade de hemácias no sangue e pode causar o atraso no desenvolvimento do feto nas mulheres gestantes.

Tratamento para Anemia Ferropriva

O tratamento da anemia ferropriva é relativamente simples, feito com suplementação à base de ferro e com mudança na alimentação do paciente, com a inclusão de alimentos que contenham mais ferro, como o feijão preto e a beterraba. Dura em torno de poucos meses.

Anemia Falciforme

anemia-facilforme

É causada por uma deformidade de origem genética nas hemácias, que adquirem forma de foice e morrem prematuramente. Devido a isso, a captação de oxigênio não é suficiente para as funções do organismo.

A anemia falciforme é uma doença crônica – não tem cura – de caráter grave, mas o tratamento pode aumentar a expectativa de vida do paciente.



Sintomas da Anemia Falciforme
  • Crises agudas de dor muscular (quando as hemácia deformadas interrompem o fluxo normal de sangue);
  • Infecções, devido a baixa imunidade do organismo causada pela doença;
  • Cansaço e fadiga;
  • Icterícia (amarelamento da pele e da parte branca do olho);
  • Inchaço, dor e vermelhidão nos pés e mãos.
Tratamento para Anemia Falciforme

O tratamento da anemia falciforme pode ser feito através de:

  • Medicamentos;
  • Transfusões de sangue regulares;
  • Transplante de medula óssea.
Possíveis Complicações
  • Ocorrência de derrames – AVCs – Acidente Vascular Cerebral;
  • Aumento do baço devido ao acúmulo de sangue em seu interior, podendo a causar a morte do paciente.

A anemia falciforme pode ser descoberta no teste do pezinho, feito alguns dias após o nascimento do bebê.

Talassemia

É um tipo raro de anemia, incurável, onde há uma diminuição da hemoglobina, a proteína responsável por transportar o oxigênio através das células vermelhas do sangue para todo o corpo.

Sintomas de Talassemia
  • Cansaço;
  • Fraqueza;
  • Palidez;
  • Sonolência;
  • Irritabilidade;
  • Falta de apetite;
  • Crescimento lento;
  • Deformidades ósseas;
  • Falta de ar;
  • Icterícia.
Tratamento de Talassemia

Os casos mais brandos da doença não necessitam de qualquer tratamento. Os mais graves podem requerer transfusão de sangue ou transplante de células-tronco.



Anemia Profunda

A anemia profunda apresenta todos os sintomas próprios da anemia, só que muito mais intensos, incluindo até perda de memória.

O paciente deve ir imediatamente ao médico se começar a notar que não desempenha mais suas atividades de maneira efetiva, se sente cansaço além do normal, dores musculares, palidez e falta de apetite.

O tratamento irá variar de acordo com o tipo de anemia que atinge o paciente.

Anemia pode causar Leucemia?

Não, nem a mais grave dentre os tipos de anemia podem se transformar em uma leucemia, apesar da anemia estar incluída no quadro de sintomas de quem tem o câncer.

A diferença está em um ponto crucial: a leucemia atinge os leucócitos, as células brancas do sangue, responsáveis pela defesa do organismo.

Em um paciente com leucemia, a medula óssea, responsável pela produção de todas as células sanguíneas, começa a produzir leucócitos malignos que se acumulam nela e então não dão espaço para que as outras células sejam produzidas.

Como Tratar Anemia

Dependendo do tipo de anemia, os tratamentos possíveis são:

  • Suplementação de ferro e mudança na alimentação com inclusão de alimentos que contenham ferro (anemia ferropriva);
  • Medicamentos que induzem a formação de tecido sanguíneo;
  • Transfusão de sangue e transplante de medula óssea (anemia falciforme e talassemia).