Home » Doenças Gastrointestinais » Sintomas de Apendicite

Sintomas de Apendicite

A apendicite causa dor perto do umbigo, vômito, febre e falta de apetite. Ocorre quando o apêndice se  inflama, seja por causa de uma infecção com vírus ou bactéria ou pelo entupimento com gordura ou fezes.

O apêndice produz um líquido que se mistura com as fezes, mas por se tratar do único órgão que possui um fundo fechado, o que entra nele não tem como sair, ou seja, se fezes gordura ou qualquer outra coisa entrar no apêndice por acidente, vai entupir a saída para esse líquido, fazendo com que o órgão inche e inflame.

Se não houver tratamento adequado, o apêndice pode romper, espalhando todo o conteúdo pelo corpo, o que pode causar uma enorme infecção.

Sintomas Iniciais da Apendicite




Apendicite Viral ou Bacteriana

O apêndice produz um líquido que, posteriormente, irá se misturar com as fezes. Como esse órgão é o único que possui um fundo fechado, o que entra não tem como sair.

Em casos de vírus e bactérias, elas podem se alojar no apêndice, se multiplicando e causando inflamação. Como está obstruído, o líquido se acumula, causando inchaço e dor no apêndice, que fica cheio de pus.

Caso não haja tratamento, a apendicite pode causar o rompimento do apêndice, fazendo com que todo o conteúdo se espalhe pelo corpo, o que pode levar a uma infecção generalizada.

Apendicite Aguda

A apendicite aguda é o grau mais elevado da apendicite, ou seja, quando o apêndice já está muito inchado e o risco de romper é alto. Nesse caso, é preciso remover o órgão por meio da cirurgia de retirada do apêndice.


Apendicite Supurada

A apendicite supurada é quando o apêndice não suporta o inchaço e se rompe, espalhando o conteúdo cheio de bactérias pelo abdômen.

Essa condição é grave, pois pode complicar bastante a cirurgia, além de aumentar o risco da formação de abscessos nas paredes abdominais, o que pode causar a insuficiência de vários órgãos.

Apendicite – Cirurgia

A cirurgia para remover o apêndice é bem simples. O médico realiza a abertura da região e remove o órgão, sem grandes efeitos colaterais.

O apêndice é chamado por muitos de “órgão desnecessário”, pois sua retirada não oferece danos à saúde.



Apendicite – Pós-operatório

O período após a cirurgia exige internação de 3 a 7 dias, dependendo do paciente. Em alguns casos, o período de internação pode chegar a 1 mês.

O tempo para que o paciente retome suas atividades normais varia de acordo com a cicatrização de cada paciente. Fatores, como: idade, peso, doenças associadas, como diabetes, e as possíveis complicações na cirurgia interferem.